6 dicas para aplicar a sustentabilidade na gestão de hotéis

Tempo de leitura: 6 minutos

Você sabia que, atualmente, 75% dos hóspedes consideram a sustentabilidade como um fator potencial para reservar um quarto de hotel? Pois é! Este resultado, calculado pela pesquisa Futuro da Hotelaria, é apenas mais um dos componentes que refletem a importância da sustentabilidade na gestão hoteleira.

Além do contexto econômico, a sociedade contemporânea está cada vez mais alinhada com os aspectos sustentáveis de caráter social e ambiental. Isso porque a consciência ecológica é um dos pilares para garantir que, a longo prazo, as futuras gerações também possam desfrutar dos recursos do nosso planeta.

Pensando nessas questões, as redes hoteleiras têm se empenhado em aplicar a sustentabilidade em vários setores do empreendimento. A atitude deve ser parte da visão estratégica de negócio e ajudar a expandir a preocupação socioambiental para fora dos limites corporativos, demonstrando como o trato ecológico dos recursos naturais contribui para a preservação do meio ambiente e para a perpetuação da humanidade.

Por isso, trouxemos este artigo com 6 dicas infalíveis para você aplicar a sustentabilidade em seu negócio, sem pesar no bolso ou na consciência. Acompanhe o post e inspire-se para uma gestão rentável e a favor da natureza!

1. Reaproveite a água da chuva

Os modernos sistemas de captação de água da chuva são alternativas economicamente viáveis e bastante funcionais para aproveitar a água pluvial em finalidades não potáveis.

Para visualizar melhor a viabilidade deste tipo de sistema, basta pensar em como a água da chuva seria útil para irrigar as hortas e jardins do hotel. Isso sem falar no auxílio sanitário — como reutilização em vasos sanitários — e de limpeza, para lavagem das áreas externas ou manutenção de aquários, por exemplo.

2. Descarte adequadamente os resíduos

Se na nossa casa, muitas vezes, nos espantamos com a quantidade de resíduo gerada a cada dia, imagina nos hotéis?

Não há dúvida de que os empreendimentos hoteleiros geram uma quantidade considerável de resíduos diariamente, mas existem alternativas práticas para diminuir o impacto ambiental causado pelo descarte inadequado dos resíduos.

Você pode, por exemplo, utilizar os resíduos orgânicos para compostagem nas hortas do hotel. Já o resíduo reciclável pode ser facilmente encaminhado às cooperativas locais de reciclagem, que realizam um minucioso trabalho de reaproveitamento.

3. Busque parcerias com produtores locais e favoreça a sustentabilidade na gestão hoteleira

Já pensou em como seu cliente ficaria satisfeito ao saber que o buffet do café da manhã é composto por produtos caseiros, de origem local? Os hóspedes adoram essa sensação de se sentir em casa. Isso sem falar que muitos deles possuem uma visão sustentável bastante apurada, valorizando bastante a prática do chamado “compre de quem faz”.

Por isso, olhe para os seus vizinhos agricultores e enxergue neles potenciais fornecedores de alimentos para o seu negócio. Isso vale também para os pequenos comerciantes locais, como padeiros e confeiteiros da região.

Além de investir em mercadorias que provavelmente terão preço mais acessível do que os tradicionais produtos industrializados, você garante também a qualidade de procedência dos ingredientes e, por consequência, um buffet mais saudável e saboroso para seu hóspede. Que tal?

4. Substitua objetos convencionais por versões sustentáveis

O reuso de toalhas e a contenção do uso de copos plásticos e demais itens descartáveis provavelmente são as práticas mais conhecidas pelas redes hoteleiras no que diz respeito à consciência ambiental.

Mas você sabia que é possível estender essa prática para vários outros objetos na rotina do hotel, sem comprometer a experiência dos hóspedes? As embalagens do refeitório ou dos produtos de higiene também podem ser sustentáveis, assim como as lâmpadas convencionais podem ser substituídas por lâmpadas de LED. Da mesma forma isso pode ser feito com os eletrodomésticos, que devem ser trocados por versões mais modernas e econômicas.

Até mesmo os cabides podem ser ecológicos! Enquanto um cabide convencional, feito de plástico ou arame, leva cerca de 450 anos para se decompor na natureza, os cabides fabricados com matéria-prima 100% reciclada — como aqueles em papel cartão cinza — reduzem este prazo para dois meses.

5. Utilize produtos biodegradáveis

Essa dica é essencial principalmente quando pensamos nos produtos de higiene e limpeza, que são consumidos em larga escala no ramo hoteleiro. Para conter o descarte tóxico deste tipo de material, a composição biodegradável é a alternativa ideal.

Quando falamos que determinado produto é biodegradável, isso significa dizer que ele se decompõe por completo e mais rapidamente na natureza, sem emitir poluentes que contaminam e desestabilizam os ecossistemas.

Isso é possível porque, além de não possuírem elementos petroquímicos em sua fórmula, os materiais biodegradáveis tender a ser também de origem natural e orgânica, ou seja, fabricados com matéria-prima 100% vegetal, garantindo o menor impacto possível à natureza.

6. Invista em energia solar fotovoltaica

Verdadeiros campeões da sustentabilidade, os painéis fotovoltaicos são soluções tecnológicas modernas que se utilizam da radiação solar na geração de energia elétrica limpa para o seu negócio. Certamente, este não é um investimento barato. Entretanto, o custo-benefício é garantido.

Isso porque o uso da energia solar fotovoltaica é capaz de gerar uma redução de 50% a 95% na conta de luz, sobretudo ao se pensar no alto consumo energético de aparelhos como ar-condicionado, chuveiros e aquecedores de piscinas. Em se tratando de hotéis, este consumo é ainda mais exaustivo para o seu bolso.

Por isso, o investimento na energia solar fotovoltaica é aposta certeira, sobretudo neste ramo. Afinal, estima-se que, em um período médio de cinco anos, o investimento inicial já terá sido compensado pela economia na conta de luz.

Considerando-se, ainda, que a vida útil do módulo fotovoltaico é estimada em 25 anos, você teria pelo menos 20 anos de geração de energia limpa e gratuita para o seu empreendimento. Isso sem falar que imóveis que geram energia por módulo solar fotovoltaico valorizam-se instantaneamente no mercado. Não é sensacional?

Depois de conferir todas estas dicas de como aplicar a sustentabilidade em seu negócio, certamente você já está pronto para sair na frente da concorrência e modernizar os sistemas na sua gestão hoteleira.

Afinal, trabalhar de maneira sustentável é basicamente um pré-requisito nesta nossa sociedade contemporânea. E apostamos que você não quer ficar de fora dessa!

Se você já investe em sustentabilidade na gestão do seu empreendimento, aproveite e conte-nos suas práticas ecológicas nos comentários!

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *