A importância do Dashboard e dos KPIs na gestão

Tempo de leitura: 3 minutos

O mercado hoteleiro sofreu muito devido à pandemia da SARS-CoV-2, o vírus causador de COVID-19. Mas quanto exatamente foi esse prejuízo?

 

Só é possível determinar com precisão o tamanho dos danos causados através dos indicadores de desempenho, também chamados de KPIs (Key Performance Indicator). Eles auxiliam a avaliar a situação do estabelecimento e com isso determinar a saúde do seu negócio.

 

Conhecer estes indicadores é de suma importância, pois podem apontar diversas situações que indicam onde melhorar ou como ter um melhor rendimento. Vamos citar alguns e os benefícios que analisa-los proporciona.

RevPAR

O RevPAR é uma das métricas mais aplicadas pelos administradores. Em português, significa “receita por acomodação disponível”. É bastante parecido com a diária média, porém, nesse caso, ele considera apenas a receita média gerada por cada quarto. Ele é muito importante para mostrar a situação financeira real e atual do estabelecimento.

Para calcular esse índice, basta dividir o total da receita de hospedagem pelo número total de quartos do empreendimento.

Taxa de ocupação

É um dos indicadores mais conhecidos, até mesmo para quem não é do setor hoteleiro. Trata-se do percentual entre unidades ocupadas e o total que é oferecido. Em outras palavras, ele representa o quão ocupado o hotel ou pousada se encontra para calculá-lo, basta dividir as unidades ocupadas pelas unidades disponíveis no mesmo período.

Cancelamento de reservas

A taxa de cancelamentos é um índice que nem todos gostam de monitorar, afinal, mostra a quantidade de pessoas que desistiram de se hospedar no estabelecimento. Contudo, é justamente essa a importância desse indicador, visto que é preciso saber o tamanho desse problema e quais são os motivos dos cancelamentos.

Se a taxa de cancelamento estiver muito alta, é preciso ligar um sinal de alerta e investigar o que deve ser feito para reverter o quadro. Às vezes, o problema pode estar em uma avaliação negativa do restaurante do hotel, por exemplo.

Financeiro

Aqui englobamos alguns indicadores que mostram o dia a dia e a saúde financeira do empreendimento. São indicadores como, estornos, transferências, contas reabertas, total em caixa, em bancos, valores a receber e valores a pagar.

Dashboard

O dashboard é também conhecido como painel de informações ou painel de gestão, ele traz uma interface gráfica para que seus usuários vejam os indicadores de desempenho e métricas importantes para as tomadas de decisões que levem a empresa a conquistar os seus objetivos. Por essa razão, ele é visto por muitos profissionais como um relatório de progresso.

Basicamente, reúne-se uma grande quantidade de dados que está disponível na organização, transformando-os em indicadores de desempenho, com tabelas e gráficos.

Os dashboards devem sempre ser mostrados em forma de apresentação visual em uma só tela de painel de controle, o que evita barras de rolagem e facilita a realização de comparações e o monitoramento de metas.

Essa ferramenta tem como finalidade facilitar a compreensão de tudo o que está acontecendo na empresa, de maneira ilustrativa e objetiva, para que tanto os gestores quantos os colaboradores consigam assimilar as informações e, assim, buscar melhorias estratégicas.

 

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *