Acessibilidade na hotelaria: confira como promover uma estadia de qualidade

Tempo de leitura: 3 minutos

A acessibilidade é um fator indispensável, principalmente em questão de hospedagem. É imprescindível que os empreendimentos hoteleiros estejam preocupados em atender com qualidade hóspedes que possuem deficiência física, mobilidade reduzida e demais limitações. É importante salientar que a acessibilidade no setor hoteleiro é regulamentada pelo decreto Nº 9.296, de 1º de março de 2018. A lei implica a obrigatoriedade de ter acomodações adaptadas em hotéis, pousadas e estruturas similares, o que reflete diretamente na inclusão social no turismo. Nesse sentido, os estabelecimentos devem seguir a norma técnica NBR 9050, que apresenta critérios para orientar as devidas condições de acessibilidade em edificações, mobiliários, espaços e equipamentos urbanos. Confira alguns pontos que separamos para ajudar no seu negócio.  

 

Planeje ambientes acessíveis e adaptados no hotel 

A acessibilidade nos diversos ambientes do hotel é um critério indispensável, que está presente decreto Nº 9.296 e na NBR 9050. Sobre os dormitórios, o empreendimento deve atentar nas dimensões de espaço, como para acesso, circulação e manobra. Também é preciso pensar no mobiliário, na altura de alcance dos utensílios, na fechadura da porta, olho-mágico e afins. No banheiro, as barras de apoio em posições estratégicas são essenciais. Assim como, chuveiro, pia e vaso sanitário adaptado. O acesso as áreas comuns também deve ser planejado, com rampas, elevadores adaptados, pisos táteis e demais condições necessárias para oferecer total conforto e segurança aos hóspedes.

 

Tenha os recursos necessários para atender os hóspedes

No decreto Nº 9.296, consta alguns itens importantes que o empreendimento deve oferecer ao hóspede, quando solicitado. Por exemplo, cadeiras de roda, cadeiras adaptadas para banho, materiais de higiene com embalagens em braile, informativos disponíveis em braile, materiais com fontes ampliadas e outros recursos que estão listados no documento oficial. Sendo indispensável para o hotel a aquisição e manutenção desses produtos adaptados.

 

Aplique treinamentos para orientar o atendimento da equipe  

Além dos itens obrigatórios e da acessibilidade nos ambientes, é importante para a experiência do hóspede o atendimento da equipe. Para orientar os colaboradores do hotel, busque aplicar treinamentos que auxiliem na recepção e na assistência necessária. Trabalhe a comunicação com a sua equipe e evite transtornos ao hóspede. Afinal, o atendimento é um dos fatores essenciais para que ele retorne para uma próxima estadia.  

 

Implemente tecnologias para auxiliar na acessibilidade

A tecnologia pode ser uma aliada para acessibilidade no seu hotel. Com ferramentas tecnológicas você pode facilitar alguns procedimentos para o hóspede. Como implementar fechaduras eletrônicas nos quartos para simplificar a entrada e saída da acomodação. Também é importante investir em televisões com receptores de legenda e audiodescrição. Da mesma forma, as áreas comuns também precisam de atenção. Nesse sentido, o hotel pode oferecer computadores com sistemas e programas adaptados.

 

Além de seguir as normas e critérios estabelecidos na lei, é essencial para o hotel pensar e planejar o aporte necessário para o hóspede aproveitar a estadia no local, tudo de forma segura e humanizada.

Para mais conteúdo sobre setor hoteleiro, confira outras matérias no blog.

 

Acesse também o Decreto Nº 9.296 e a norma NBR 9050

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *