Tecnologia em hotéis: Projetos de TI para o setor de hotelaria

Tempo de leitura: 7 minutos

Ao contrário do que muitos pensam, o uso da tecnologia em hotéis não é um simples capricho para chamar a atenção dos hóspedes. Com clientes cada vez mais exigentes e abertos a inovações que proporcionem conforto e segurança, os recursos tecnológicos são essenciais como uma vantagem competitiva.

Não basta apenas ter recepcionistas atenciosos ou um preço interessante para consolidar um bom espaço no mercado. O hotel precisa também investir em tecnologia da informação (TI), para estar cada vez mais conectado com os anseios dos consumidores — principalmente nas grandes cidades.

Por isso, neste post vamos mostrar como os recursos de TI podem ajudar um hotel a se diferenciar em relação à concorrência. Continue lendo e confira!

Aposte em sistemas para melhorar a gestão

Com a necessidade de minimizar os erros e tomar as decisões corretas e rápidas, o setor hoteleiro tem adotado cada vez mais soluções que possibilitam fazer uma administração ágil e inteligente.

Nesse sentido, são desenvolvidos sistemas que atuam em diversos segmentos:

  • controle de estoques: permite gerenciar o uso de recursos materiais, contribuindo para reduzir custos e acompanhar a demanda;

  • gestão de pessoas: agiliza a captação de talentos e propicia utilizar indicadores que ajudam a avaliar o desempenho dos funcionários;

  • gestão fiscal: garante ao estabelecimento um controle eficiente das obrigações fiscais, evitando multas por atraso nos pagamentos;

  • gestão de agências de turismo: melhora a troca de informações entre o hotel e a agência de viagem, fazendo com que a parceria entre ambos seja cada vez melhor.

Entenda as vantagens do big data

De fato, compreender as necessidades dos clientes é o que o uso do big data permite fazer, pois propicia armazenar e analisar, em tempo real, uma grande quantidade de dados.

Além disso, o recurso viabiliza saber as preferências dos hóspedes em relação aos serviços oferecidos, o valor médio gasto por estada, a média de tempo que o turista fica no estabelecimento, a adesão dos consumidores às promoções, entre outros aspectos.

Mas, afinal, que tipo de informações o big data envolve para compreender os gostos das pessoas, e para que os hotéis prestem um serviço melhor? Vejamos:

  • cadastro com dados pessoais dos hóspedes;

  • histórico de compras durante a estada;

  • avaliações dos clientes no site e nas redes sociais do estabelecimento;

  • comentários feitos em sites especializados, como o TripAdvisor;

  • sites e redes sociais da concorrência;

  • buscas feitas no Google sobre os estabelecimentos hoteleiros.

Invista na Internet sem fio

Em uma sociedade extremamente digital, é mesmo um grande erro não oferecer aos clientes um acesso a uma rede Wi-Fi. Nas viagens a trabalho, por exemplo, as empresas precisam se comunicar constantemente com os funcionários, para que o fechamento de negócios ocorra da melhor forma possível.

E também não podemos esquecer dos turistas, que gostam de utilizar a Internet para postar nas redes sociais os melhores momentos de uma viagem.

Diante disso, com uma Internet sem fio o hotel consegue aumentar o grau de satisfação de vários tipos de hóspedes — o que é excelente para aumentar a lucratividade.

E, para que a conexão à rede funcione com alta velocidade em diversos ambientes, é primordial investir na infraestrutura de TI. Afinal, ninguém gosta de perder tempo para fazer um download ou enviar uma mensagem, certo?

Priorize conforto e privacidade para os clientes

Outro motivo importante para que o avanço tecnológico seja acompanhado de perto pelo setor hoteleiro é que ele oferece oportunidades de proporcionar mais conforto e privacidade aos consumidores.

Para se ter uma ideia de como essa tendência é irreversível, a estimativa é de que, em 2016, 5,5 milhões de aparelhos foram ligados à web! Esse é o fenômeno conhecido como Internet das Coisas, responsável por conectar diversos tipos de equipamentos à rede.

Assim, com essa tecnologia, é possível utilizar sensores infravermelhos, por exemplo, para a equipe da copa saber se uma pessoa está, ou não, no quarto — a intenção é que o hóspede não seja incomodado, sentindo-se sempre mais à vontade.

Em alguns estabelecimentos, o cliente também pode ligar e desligar a televisão, acionar o ar-condicionado ou até controlar a iluminação por meio de tablets. E, sem dúvida, fazer tudo isso sem sair do lugar é uma grande comodidade.

Já para os que viajam a trabalho, existem hotéis que possuem salas onde é possível fazer reuniões por videoconferência, possibilitando aos hóspedes mais condições e estrutura de fechar bons negócios.

Esteja atento ao uso de aplicativos

Atualmente, as pessoas estão mesmo usando os aplicativos para resolver as mais diversas atividades do cotidiano. Pelo celular, já é possível verificar as vagas disponíveis no estabelecimento, reservar um quarto e escolher o período da estada, por exemplo.

Além disso, os clientes podem fazer tanto o check-in quanto o check-out pelo smartphone. Ou seja, não é mais necessário enfrentar uma fila para fazer o cadastro e resolver eventuais pendências.

Faça o atendimento ser mais dinâmico com tecnologia em hotéis

Sabemos que, nem sempre, os funcionários trabalham com foco no bom atendimento. Por isso, alguns estabelecimentos estão contando com o robô mensageiro para entregar refeições e outros itens para os hóspedes.

Ele se locomove na mesma velocidade de uma pessoa comum, e pode chegar a todos os segmentos do hotel. Além disso, pode chamar o elevador sozinho, por meio de uma conexão Wi-Fi que viabiliza essa ação.

E, depois de realizar uma entrega, o robô retorna para a recepção, onde permanece em uma estação de carregamento aguardando novas demandas. Incrível, não?

Muitos hotéis também estão apostando na comanda eletrônica, com o objetivo de eliminar gastos com papel e reduzir os erros. Nesse caso, quanto há um consumo no restaurante ou no frigobar, o pedido é registrado automaticamente na conta do hóspede.

Outra novidade é o cardápio on-line, que permite ao cliente escolher o seu prato de forma mais prática e rápida. O ideal é que o recurso tenha os dados das refeições (nome, foto e ingredientes), e informe o horário de funcionamento do restaurante.

Facilite o acesso a informações

É fato que ter uma boa comunicação é essencial para qualquer hotel. Quanto a isso, na busca por mais clientes, alguns estabelecimentos estão usando um software que fornece informações por telefone em diversos idiomas.

A ferramenta propicia à pessoa a chance de escolher o idioma, e atende a mais de uma chamada ao mesmo tempo. Assim, é viável utilizar os funcionários para outras atividades, o que ajuda a dar uma maior atenção aos hóspedes.

O software ainda possibilita que o cliente obtenha, em tempo real, informações sobre:

  • atrações turísticas da região;

  • localização de farmácias, hospitais, pontos de táxi e delegacia de polícia;

  • horário de funcionamento do restaurante;

  • informações sobre taxas de câmbio.

Pense na segurança

Por fim, não podemos nos esquecer de que o bem-estar dos consumidores está sempre em primeiro lugar.

Pensando nisso, o setor hoteleiro investe constantemente em câmeras de segurança, fechaduras eletrônicas e sistemas de alarmes inteligentes, para evitar e prevenir qualquer incidente que tire a tranquilidade dos hóspedes.

Hoje, já existem até estabelecimentos que usam um robô para pegar a bagagem e conduzi-la até um cofre — o que tem como meta coibir, ao máximo, os roubos e furtos. Assim, para pegá-la de volta, é necessário apenas utilizar um PIN de segurança.

Enfim, para aproveitar os benefícios da tecnologia em hotéis, a recomendação é contar com serviços de profissionais especializados em TI. Isso porque eles conhecem as principais tendências do mercado, e podem analisar as melhores alternativas para o seu estabelecimento.

Então, se você gostou deste post e está querendo aperfeiçoar os serviços prestados aos clientes, aproveite agora para entrar em contato conosco! Estamos à disposição para atendê-lo.

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

1 Comentário

  1. Andréa Zigon Hoffmann

    Adorei conhecer a Hmax, estou encantada com o profissionalismo e interesse em ajudar e orientar os clientes e possíveis clientes a otimizar os serviços e agregar valor ao hotel. O site de vocês é muito interativo, parabéns! Infelizmente estou sem site no momento.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *