Viagens curtas: como trabalhar as oportunidades locais e melhorar suas vendas

Tempo de leitura: 4 minutos

No cenário nacional, a retomada das atividades no setor turístico e a reabertura das unidades hoteleiras estão ocorrendo de forma gradual, conforme situação e recomendações de cada região. Desse modo, o panorama esperado para o período pós-pandemia destaca viagens curtas e roteiros que possam ser realizados de carro.

Conforme o Portal Panrotas, “pesquisas mostram que cerca de 68% dos brasileiros estão ansiosos para viajar pós-pandemia, porém, 38% deles não pretendem entrar em um avião nos próximos nove meses. Esse público quer viajar para lugares próximos que possam ser instigantes”. Em virtude da nova demanda, é essencial preparar o seu negócio e adequar as táticas de gestão. Destacar a localidade e conquistar o público de cidades vizinhas são estratégias interessantes e mais viáveis para os próximos meses. Portanto, separamos algumas ações relevantes para colocar o seu hotel em destaque na região.

 

1 – Conheça e explore as oportunidades locais

Com as consequências da pandemia, em muitos casos é inevitável a reformulação do serviço hoteleiro oferecido. Empreendimentos focados ou com grande parcela de hóspedes decorrentes do turismo internacional, corporativo, terceira idade e afins, precisam buscar novas alternativas para retomar as operações. Nesse viés e em consideração a tendência de viagens curtas, é pertinente para o negócio hoteleiro estudar e identificar as oportunidades locais. É interessante explorar a localidade, observar o movimento e traçar possíveis atrativos que possam ajudar na conquista do hóspede regional.   

2 – Crie parcerias para oferecer um roteiro completo

O roteiro das viagens é um fator muito discutido no momento de reabertura. De acordo com o Portal Panrotas, “ao abordar as mudanças que destinos precisarão adotar para atrair o interesse dos visitantes, Silvério da Graffit Turismo, destacou que o uso de tecnologia pode funcionar como um apoio, mas a experiência de estar naquele local é a chave para a venda do roteiro”. Com isso, é interessante para o negócio hoteleiro fechar parcerias com outros serviços locais para oferecer ao hóspede um roteiro completo que valorize os atrativos e cultura da região. Estude as possibilidades e busque inovar nos parceiros para surpreender o cliente e conquistar a reserva.

3 –  Divulgue e promova as atrações locais

Para vender um roteiro local e conquistar reservas dos hóspedes regionais, é essencial evidenciar essa estratégia na comunicação do seu negócio hoteleiro. Utilize os canais de contato para promover a região, a cultura e atrações locais. O seu negócio pode, por exemplo, montar uma série de vídeos sobre as curiosidades da cidade ou destacar comércios típicos e únicos da rota turística. São diversas possibilidades para trabalhar e chamar a atenção do público. É importante planejar ações de divulgação mais estratégicas ao cliente local. Dessa forma, fique atento ao conteúdo, busque explorar temáticas que envolvam a cidade e produzir materiais relevantes que auxiliem na conquista do viajante em potencial.    

4 – Tenha a confiança do hóspede

Após tantos meses de isolamento, é importante obter a confiança do hóspede e transmitir a viabilidade de uma experiência maravilhosa e segura fora de casa. Segundo o Portal Panrotas, “a especialista Marta Poggi, do blog Agente do Turismo, demonstrou o perfil do viajante digitalizado, um consumidor de Turismo muito mais conectado e exigente. De acordo com ela, esse tipo de turista entende a importância da sustentabilidade, das medidas de segurança e do apoio aos pequenos comércios do local que está visitando”.

O cliente precisa estar ciente dos protocolos implementados pelo hotel. Portanto, busque informar as ações efetuadas e o seguimento das orientações para proteção da saúde, por exemplo, demonstre zelo e cuidado redobrado na higienização e desinfecção de acomodações e áreas comuns. Também é pertinente comunicar, se for o caso, os investimentos em tecnologia para facilitar processos e evitar aglomerações. Da mesma forma, é interessante divulgar selos que chancelam a segurança da hospedagem e demais ações tomadas para deixar a estadia mais segura e pronta para receber o hóspede.

 

Como vimos, focar nas viagens locais é uma estratégia pautada nas tendências para o período pós-pandemia. As ações citadas são relevantes para ajudar a trabalhar a nova demanda. Dessa maneira, busque destacar os atrativos da região, oferecer um roteiro diferenciado e atender as expectativas do hóspede regional.

Confira outras dicas para ajudar na retomada das atividades. Acesse mais matérias no blog e acompanhe nossas redes sociais FacebookInstagramTwitterLinkedIn e Youtube.

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *