Como a comanda eletrônica dos hóspedes ajuda no controle de consumo?

Tempo de leitura: 6 minutos

A velha comanda de papel ainda é uma solução válida para pequenos estabelecimentos nas quais a demanda é menor. Mas, quando falamos de um negócio de médio e grande porte, como um hotel, esse processo pode gerar lentidão e problemas na hora de registrar os pedidos — resultando, como não poderia deixar de ser, em prejuízo e desperdício.

Felizmente, com o avanço da tecnologia, hoje já é possível atender aos hóspedes com muito mais eficiência. A comanda eletrônica surgiu há uns bons anos, mas teve sua eficiência aprimorada nos últimos tempos.

Além de ver como esse novo sistema pode melhorar o controle de consumo dos seus clientes, neste artigo você também terá dicas para ajudá-lo a escolher uma opção de comanda eletrônica que seja móvel e eficiente.

Continue a leitura e confira todos os detalhes!

O que é um sistema de comanda eletrônica?

A comanda eletrônica é um sistema que substitui o velho esquema das comandas de papel. Funciona assim: o hóspede recebe um cartão com uma numeração impressa ou código de barras que será utilizado como comanda por todos os atendentes do hotel — do garçom ao receber pedidos no restaurante à camareira quando verifica o consumo de itens do frigobar.

Por permitir atender aos clientes com mais agilidade e menos falhas, é particularmente atrativa para estabelecimentos de porte médio ou grande, que possuem uma demanda maior e diferenciada.

Os modelos mais novos desse sistema funcionam em um aplicativo para dispositivos móveis que se integra ao seu software de gestão hoteleira, possibilitando lançar qualquer pedido diretamente na conta do hóspede.

Por que utilizar esse sistema no seu hotel?

A comanda eletrônica ajuda a melhorar o controle de consumo dos hóspedes, garantindo, por exemplo, a agilidade no atendimento das demandas dos seus clientes.

Os atendentes só precisam lançar os pedidos, que são previamente configurados e listados no software. Diferentes departamentos podem receber simultaneamente as informações transmitidas, tornando o trabalho em etapas muito mais ágil e confiável.

A seguir, confira mais alguns benefícios desse sistema.

Lançamento e consulta de consumo diante do cliente

Com as comandas de papel, é comum ocorrerem trocas e extravios, bem como erros nas entregas dos pedidos — neste último caso, muitas vezes por culpa da caligrafia dos atendentes.

A comanda eletrônica minimiza todos esses problemas, já que os lançamentos e consultas de consumo são realizados diante do cliente e enviados automaticamente ao devido destino. Com isso, o pedido chega mais rápido e o ticket médio dos hóspedes tende a aumentar.

Mais velocidade nos pedidos

Uma das maiores vantagens da comanda eletrônica é a diminuição do tempo necessário para lançar serviços extras, o que possibilita melhorar ainda mais o atendimento aos hóspedes.

Assim, se antes as camareiras precisavam anotar todo o consumo do frigobar numa comanda de papel e entregá-la à governança, agora basta fazer o lançamento pelo sistema móvel, o que garante muito mais eficácia no checkout.

O mesmo vale para os pedidos feitos no restaurante: os garçons não precisam mais se deslocar até a cozinha a cada atendimento de mesa — a ordem de preparo é enviada automaticamente para impressoras instaladas na cozinha via conexão sem fio. Muito mais inteligente e prático, certo?

Personalização de pedido

Com a comanda eletrônica, seus atendentes têm acesso a todo o conteúdo do cardápio e podem fazer customizações caso o cliente solicite.

Assim, por exemplo, o garçom do restaurante pode alterar o prato solicitado de acordo com as variações cadastradas ou não no sistema. Aqui, o papel do atendente é avaliar as possibilidades de customização do pedido e efetuar configurações equivalentes no sistema, garantindo que o pedido saia de acordo com o desejo do cliente.

Muitos erros que promovem perdas no estoque podem ser evitados com esse sistema — os atendentes precisam apenas ser treinados para operar a ferramenta corretamente.

Como escolher a comanda eletrônica ideal para o seu hotel?

Antes de optar por alguma solução do tipo para o seu estabelecimento, é vital observar alguns critérios para assegurar o sucesso da implantação. A seguir, elencamos alguns deles.

Compatibilidade com dispositivos móveis

Enquanto alguns modelos mais antigos de comandas eletrônicas funcionam apenas em aparelhos específicos, chamados PDAs (Personal Digital Assistants), as opções mais modernas são compatíveis com dispositivos como tablets e smartphones, o que simplifica bastante o processo.

Antes de fechar negócio, contudo, é vital observar se o sistema é compatível com os aparelhos que você possui: nem todos podem funcionar em iPhones e iPads, por exemplo — a maioria das opções disponíveis no mercado roda apenas em dispositivos no padrão Android.

Facilidade de utilização

Você precisa de uma ferramenta que seja prática, rápida, intuitiva, acessível e completa. É preciso verificar, por exemplo, a eficácia da interface de usuário desses sistemas. Será que os seus funcionários conseguem entender a lógica do aplicativo? Muitas vezes, o funcionamento é tão contraproducente que acaba atrapalhando ainda mais o processo.

Outra coisa a ser verificada é a estabilidade do software: de que adianta um sistema ser fácil de usar se ele trava ou não repassa as informações como deveria? Por isso, é muito importante realizar alguns testes práticos antes de assinar qualquer contrato.

Experiência do fornecedor no setor hoteleiro

Sistemas de comanda eletrônica existem aos montes, mas bem poucos foram pensados especialmente para o seu ramo de negócios. A maioria das opções disponíveis é centrada em estabelecimentos como restaurantes e lanchonetes comuns — e sabemos que o setor hoteleiro possui demandas bem específicas.

É por isso que a procedência do fornecedor do software é tão importante. Ao priorizar os sistemas desenvolvidos por quem tem experiência no ramo de hotéis, você tem a certeza de que terá todas as suas necessidades atendidas.

A HMAX, por exemplo, é a única empresa de software que tem participação em um hotel real, localizado na cidade catarinense de Videira. Seu HMAX Software oferece um módulo de comanda eletrônica nos planos Flex e Master, com todos os recursos específicos que você poderia querer.

Viu só como um sistema de comanda eletrônica pode fazer toda a diferença e ajudar no controle de consumo dos seus hóspedes? Se você ficou com vontade de implantar algo parecido no seu hotel e deseja saber mais detalhes sobre o HMAX Software, entre agora mesmo em contato conosco: nós teremos o maior prazer em ajudar. Até o próximo artigo!

Sobre Cachoeira

Co-Fundador CEO da HMAX Automação Hoteleira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *